A maneira de se fazer vendas mudou. Com a chegada da era da hiperconectividade e cada vez mais esforços para entregar ao cliente, mais que um serviço, uma experiência, tornou-se fundamental saber exatamente como agir. É aí que entra o CRM. Apesar de ser um conceito bem conhecido para quem está inserido no mercado, iremos apresentá-lo e, depois, chegar ao ponto central: por que sua empresa pode estar precisando de um CRM?

Afinal, o que é CRM?

CRM é a sigla de Costumer Relationship Management. Na tradução literal, isso significa Gerenciamento de Relacionamento com o Cliente. Ou seja, o CRM nada mais é que uma estratégia de negócios que busca sistematizar os processos de determinada empresa com foco total no cliente e na sua experiência.

E como é feito esse processo de compreensão do público? A resposta é: por meio da coleta de dados, que pode ser realizada por pesquisas, formulários, registros no momento da compra, entre outras formas. São informações como nome, endereço, número de telefone e etc.

Minha empresa precisa de um CRM?

Entendido o conceito do CRM, talvez você esteja se perguntando: minha empresa precisa de um CRM? O que acontece é que a utilização de um CRM traz duas principais vantagens: a organização precisa dos dados e a automação dos processos.

Você provavelmente organiza as informações dos seus clientes em aplicações de tabelas, como o Excel. Porém, fazendo esse processo de maneira manual pode ser cada vez mais trabalhoso à medida que sua empresa cresce.

Um CRM não só organiza os dados dos seus clientes. Ele as categoriza de forma a facilitar o manuseio dessas informações. Conforme o software de CRM, os leads ficam dispostos de diversas maneiras, se encaixando com sua conveniência.

Tudo isso de maneira automatizada. O que, além de poupar tempo, reduz a probabilidade de erros humanos, deixando para os colaboradores as tarefas que exijam mais criatividade e raciocínio.

Então, para ter clara a resposta da pergunta desse tópico, faça esse questionamento: minha empresa está aumentando a base de clientes? Se a resposta for sim, talvez seja a hora de pensar em um CRM.

E como implantar um CRM?

É fundamental compreender que institucionalizar um CRM não é só contar com um software. É, além disso, criar uma cultura de centralização do cliente. Mas, mais que isso, estabelecer alguns passos. Vamos conhecê-los:

1 – Faça uma análise da empresa atualmente

Como seu negócio é hoje? Quem está envolvido no relacionamento com o cliente e na coleta de seus dados? Já existe um costume de trabalho de suas informações? Entender que ponto você está hoje vai definir aonde você quer chegar amanhã.

2 – Defina metas

Faça um planejamento de metas, definindo onde e quando você quer chegar. Assim, terá bem claro o caminho a ser traçado. Com isso, você consegue reduzir as opções de ações, o que pode facilitar o processo de transição da sua companhia.

3 – Estude o mercado

No processo de implantação de um CRM, um benchmarking é fundamental. Entender e estudar as ações da concorrência pode lhe trazer uma boa base e parâmetro para saber como seguir. Estude a forma com outras empresas do seu segmento estão fazendo essa transição.

3 softwares de CRM para você conhecer

Para finalizar, iremos sugerir 3 softwares de CRM, que podem ajudar você nesse processo de transição. Vamos lá?

1 – Pipedrive

O Pipedrive é um dos softwares de CRM mais conhecidos do mercado. Entre suas principais vantagens, é que ele é adaptável a empresas de qualquer porte. Além disso, seu sistema de mapeamento de atividades e vendas é referência. A versatilidade é outro diferencial, já que ele possui app para Android e iOS. Acesse o site oficial.

2 – Hubspot

Esse software é conhecido por ser 100% gratuito. Inclusive, é sua principal vantagem. Outro ponto que agrega valor ao Hubstpot é sua interface intuitiva, que também é referência no segmento. Ele também acompanha instantaneamente os fluxos de dados da empresa, registrando automaticamente os dados de atividades e vendas. Acesse agora o Hubstpot.

3 – Zoho

O grande diferencial do Zoho é que você consegue vincular as páginas de Facebook e Twitter dos seus leads. Com isso, aumenta-se a precisão de suas ações e o conhecimento de seus clientes. Outro detalhe que chama atenção é a possibilidade de o interligar com o Google Apps, integrando uma série de processos. Este CRM possui uma versão gratuita e outra paga, com mais funcionalidades. Conheça-o.

Estabilidade e CRM

Para garantir um desempenho de qualidade na gerência do seu negócio e do tratamento dos dados do CRM, é fundamental uma internet que acompanhe isso. Com os planos da Copel Telecom, você garante uma internet estável e rápida, que segue o ritmo do crescimento da sua empresa. Clique aqui e conheça nossos planos.

Fontes:

https://crmpiperun.com/blog/o-que-e-crm/

https://www.salesforce.com/crm/what-is-crm/

https://searchcustomerexperience.techtarget.com/definition/CRM-customer-relationship-management

https://www.nutshell.com/blog/what-you-need-to-know-about-crm/