Blogs: Como ganhar dinheiro em casa com a Internet

Você sabia que nós, brasileiros, somos conhecidos mundialmente por nossa criatividade? Na música, na comida, na televisão e etc. Mas são naqueles momentos em que o bolso dá uma apertada ou simplesmente queremos complementar a renda fixa que fazemos jus ao nosso título internacional e vamos atrás de um novo jeito de ganhar uma graninha. Bom, na verdade não precisamos mais ir atrás, já que hoje a Internet oferece inúmeras maneiras de lucrar sem sair de casa. Pensando nisso, o blog Conecta está lançando a série “Como ganhar dinheiro em casa com a Internet”. E nada melhor do que começarmos falando justamente da plataforma em que você está lendo isto agora: os blogs. Vamos começar?

Por que um Blog?

A administração de um blog exige tanta disciplina, planejamento e dedicação quanto qualquer outro emprego. No entanto, é um universo que oferece muitas vantagens quando se fala em liberdade, principalmente pelo fato de você ser o seu chefe. É você quem define seus horários, o estilo do site, visual, linguagem e frequência de publicações. Isso sem contar que é um espaço para tratar de qualquer tema que você quiser, contanto que tenha o mínimo de conhecimento sobre.

Além disso, entretenimento é um mercado que sempre terá consumidores. Mesmo em momentos de crise, em que as pessoas reduzem seus gastos, elas precisam se distrair e se divertir. E elas vão atrás de conteúdos que lhes agradem. Você estará pronto para atendê-las?

Agora que você já sabe alguns motivos para criar um blog, vamos pensar no primeiro passo: o tema. Sobre o que seu blog vai falar? Cinema? Astronomia? Culinária? Saúde e bem-estar? Isso precisa estar bem definido antes de você começar a pensar no seu site. Depois de pensar no tema a ser tratado, faça um recorte mais preciso. Supomos que você criará um blog sobre cinema. Que tipo de cinema? Amador? Francês? Mudo? Continue fazendo essas perguntas até estar bem definido onde você quer chegar. Decidindo isso, é hora de partirmos para o segundo passo: o público.

Blog pra quem?

Lembra quando falamos sobre a liberdade de trabalhar com um blog? Bom, na verdade, essa liberdade é limitada pelo interesse do público. Mas isso não é algo ruim, já que é justamente esse diálogo que manterá sua audiência fidelizada com seu conteúdo. Aliás, a partir de agora, falaremos do seu público como seus clientes. Se você for falar sobre trilhas e montanhismo, precisa adequar sua linguagem, expressões, palavras e temas que interessem pessoas que praticam trilhas e montanhismo, dispostas a consumir esse universo. Mas como encontrar essas pessoas e compreender seu estilo? É aí que vem nossa terceira dica:

Fale sobre coisas que interessem a você

Existe coisa pior do que falar de um assunto que não desperta seu interesse? É comum que muitos blogueiros busquem tratar de temas dos quais não dominem, seja por enxergar um potencial financeiro ou por se tratar de um assunto que anda ganhando a atenção das pessoas. Isso funciona por pouco tempo. Pense que, ao criar um blog, você terá que produzir conteúdos diversos, interessantes e inéditos de algum tema com uma certa frequência. Você quer mesmo fazer isso com algo que não se identifica? E não se trata apenas de uma questão pessoal, estamos pensando como vendedores. Conhecendo bem seu respectivo tema, você também conhecerá bem o perfil de clientes, afinal, são pessoas com gostos parecidos com os seus. Pergunte-se: eu consumiria meu blog?

Como conhecer os gostos dos meus clientes?

Por mais que produzir um blog lhe dê a chance de trabalhar em cima de um assunto que você domina, é necessário expandir sua atenção para conteúdos que conversem com seu tema e público. Para isso, utilize outros blogs a seu favor. Faça contatos, vá atrás de pessoas que falam do mesmo tema ou de semelhantes ao seu: canais no youtube, blogueiros mais experientes, páginas nas redes sociais, e etc. A busca por referências é importantíssima antes de partir para escrita. Assim, você vai conhecer bem a linguagem com a qual sua clientela está acostumada. Do quê eles estão falando sobre seu tema? O que buscam saber em cima do seu tema? Algo que pode ajudar você nisso é o Google Trends, que é uma ferramenta (gratuita) que permite acompanhar o número de buscas por uma determinada palavra-chave nos últimos tempos.

Criando o blog

Com tema e público definidos, é hora de colocar a mão na massa. A primeira tarefa na execução, de fato, do blog é definir o nome. Recomenda-se a escolha de um nome forte e singular. Fuja dos clichês. Nomes comuns, além de serem facilmente confundíveis, possuem uma altíssima concorrência. Uma boa maneira de saber se as palavras do seu nome são quentes é utilizar o próprio Google Trends para saber se o termo possui uma alta busca. O YouTube também pode ser um bom aliado nesse momento. Pesquise no site o nome ou palavra que você pensou e veja o número de visualizações dos vídeos que aparecerem. Se for alto, provavelmente a busca em outros sites também será. Agora que você definiu como se chamará seu blog, escolha o domínio. “.com; .com.br e .net são os domínios mais populares. Com nome e domínio prontos, confirme se já não há um site registrado com suas escolhas. O site registro.br é um bom referencial nessa hora. Caso não haja nenhum domínio com o mesmo nome, registre o seu.

É hora de colocar no ar

Imagine que você criou um negócio e quer abri-lo em um shopping. Você precisa alugar um imóvel dentro do estabelecimento, certo? Com o blog é a mesma coisa. Mas em vez de um imóvel, você aluga uma hospedagem, que é um serviço online de armazenamento que permite a publicação de sites na Internet. E em vez de um shopping, você fará isso dentro de um servidor.

Agora que sua “loja” está pronta para ser inaugurada, só falta organizá-la internamente para receber seus clientes. Os sistemas de gerenciamento de conteúdo ou sistemas de gestão de conteúdo (Content management system, CMS) são aplicativos usados para criação, edição e gerenciamento de conteúdos em plataformas digitais. Tudo isso sem precisar um conhecimento em programação. É como se fossem prateleiras, vitrines e outros elementos da sua loja disponíveis para você organizar do seu jeito. O WordPress é o mais popular entre esses softwares, já que permite um controle de fácil entendimento e boa eficiência. Inclusive é o software que usamos neste blog.

Fazendo dinheiro com o blog

Finalmente chegamos ao que interessa. Fazer dinheiro com blogs é mais simples do que você pensa, mas para obter lucros consideráveis é preciso dedicação e tempo. Estas são algumas maneiras de transformar seu conteúdo em cifras:

Google Adsense

O Google Adsense é um serviço de publicidade que pode te ajudar nisso. Criando uma conta em www.google.com/adsense você realiza uma parceria com a empresa, em que cede espaço para o Google realizar anúncios em seu blog. Cada acesso dos seus clientes nestes anúncios gera a você alguns centavos.

Programas de afiliados

Outra maneira – mais rentável, porém mais difícil de lucrar – é se filiar a empresas que vendem produtos físicos. É importante que você faça parcerias com empresas que trabalhem com produtos relacionados aos gostos do seu público. Nesses casos, os anúncios também ficam dispostos em seu blog, mas você só ganha quando a compra é de fato realizada. O lomadee.com é uma empresa que gerencia programas de afiliados de outras empresas. Vale a pena dar uma conferida.

Afiliado de produtos digitais (InfoProdutos)

Essa é talvez a maneira mais rentável de se ganhar dinheiro com blogs. InfoProdutos são artigos totalmente digitais, como cursos online e conteúdos para download. Além de serem mais baratos e práticos que produtos físicos – o que facilita a adesão do consumidor – sua divulgação não polui os sites como anúncios de empresas. Uma boa plataforma para essa parceira é o hotmart.com.

Bom, agora você tem ótimas dicas para começar seu blog de sucesso e encher o bolso sem sair de casa. Mas lembre-se: para manter um blog funcionando com eficiência e gerando lucros, é preciso um serviço de Internet de qualidade. Como o formato exige uma disciplinada frequência de publicações, não dá para correr o risco de ficar na mão por uma conexão instável e lenta, não é? A Copel Telecom trabalha com tecnologia 100% em fibra óptica, uma das redes de transmissão de dados mais veloz do mundo e oferece diversos planos que podem ajudar você a manter um funcionamento e estabilidade de qualidade na hora de gerir seu negócio Clique aqui e os conheça.

Agora é só mandar ver! Não deixe de assistir vídeos, consumir outros blogs e formar parcerias com quem já está na estrada há mais tempo. Sucesso e boa sorte!

Fontes:

https://www.nucleoexpert.com/como-ganhar-dinheiro-com-blog/

https://www.meuproprionegocio.net.br/como-ganhar-dinheiro-com-programas-de-afiliados/