Você sabia que a versão do protocolo de conexão wireless do seu computador, notebook, celular ou videogame pode impedir que você aproveite ao máximo a velocidade da internet? É isso mesmo! É como se você tivesse uma pista de corrida para poder correr a 300 km/h mas seu carro só alcança 100 km/h.

Isso acontece por conta da diferença entre os protocolos, que são as especificações desenvolvidas pelo IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers) para a tecnologia wireless (sem fio). Essas especificações existem para garantir que todos os aparelhos consigam se comunicar entre si utilizando a mesma tecnologia.

Protocolos mais comuns

Hoje, os protocolos 802.11n e 802.11ac são os mais utilizados. Antes desses, os padrões eram 802.11 a/b/e/g, que proporcionavam velocidades de 2 Mbps a 54 Mbps. Os aparelhos com o padrão n e ac operam bem acima dos padrões 802.11 anteriores, com velocidades a partir de 100 Mbps e que podem chegar a 450 Mbps. Já os dispositivos ac podem chegar a 1.300 Mbps, ou seja, até 24 vezes mais rápido que o padrão g.

Vale destacar também a frequência de banda em que os padrões operam. Até o padrão g, os dispositivos operavam em 2.4 GHz. A partir do padrão n, que opera de 2.4 GHz a 5GHz, todos operam em 5GHz. Isso significa trabalhar com menos interferências. Existem muitos dispositivos, desde telefones sem fio até fornos de micro-ondas, que emitem sinais em 2.4 GHz, e isso pode embaralhar a frequência, deixando o sinal do seu Wi-Fi instável.

E o futuro?

Já está em desenvolvimento uma nova especificação, a 802.11 ad que vai operar na faixa de frequência de 60GHz e alcançar velocidades de conexão muito acima dos atuais padrões 802.11. Na teoria, o padrão ad poderá chegar a uma transferência de até 7 Gbps.

Compatibilidade

É bastante comum que os sistemas mais evoluídos como o n/ac/ad sejam retrocompatíveis. Isso significa que se o seu aparelho opera no padrão a/b/e/g você poderá se conectar em um Wi-Fi das especificações n/ac/ad. Mas vale a pena conferir se existe mesmo a compatibilidade dos seus aparelhos com os protocolos mais antigos. Vale lembrar: compatibilidade não significa performance. O seu aparelho que opera nas especificações mais antigas estará limitado a velocidade de transferência do padrão.

Aproveite o melhor do seu Wi-Fi com a Copel Telecom

Confira se já estamos atendendo seu bairro e conheça nossos planos de banda extralarga.

 

Fontes: Palpite Digital, TechTudo.