O home office é uma tendência no mercado de trabalho em todo o mundo. Qualidade de vida e flexibilidade estão entre as vantagens de deixar o escritório para trabalhar pela internet, no conforto de casa.

Pesquisa recente divulgada pela Inc., revelou que 88% dos 15 mil entrevistados escolheriam uma jornada de trabalho mais flexível. Isso porque, as pessoas estão buscando cada vez mais um equilíbrio entre a vida profissional e pessoal. Ficar em um escritório por 8 horas diárias ou trabalhar muito, portanto, não soa mais tão gratificante.

E em um país como o Brasil, por exemplo, no qual 41,3% da população trabalha informalmente, a decisão de optar pelo trabalho remoto pode ser também uma grande oportunidade de garantir um emprego ou uma renda extra, de modo totalmente autônomo.

Sempre há, porém, o receio de que o trabalho home office seja algo desafiador e até mesmo improdutivo. Afinal, a única pessoa responsável pelo seu próprio trabalho, é você mesmo. Não há chefes ou superiores para supervisionar como ou quanto você está produzindo.

Como, então, adotar esse modelo para sua carreira profissional e ainda assim garantir bons rendimentos? A seguir, você confere algumas dicas do Conecta, o blog da Copel Telecom.

Como criar um ambiente ideal para home office?

O primeiro passo para começar a trabalhar em casa é preparar o ambiente para evitar distrações, interrupções e manter a rotina organizada.

Escolha um cômodo da casa onde você tenha privacidade e delimite esse espaço para que todos saibam que ali é o seu local de trabalho. Dê preferência a lugares onde não haja tanta circulação de pessoas e a iluminação seja adequada.

Invista, também, em materiais de escritório para tornar o dia-a-dia mais cômodo, como uma cadeira ergométrica, um bom computador, uma internet com velocidade e uma mesa adequada.

A decoração é igualmente importante. Quadros, livros relacionados à sua área de atuação, luminária e até mesmo plantas deixam o ambiente mais personalizado e agradável. Lembre-se que você passará boa parte do seu dia nele.

Como ser mais produtivo no trabalho home office?

Estar em casa é estar no conforto no lar. Justamente por isso, é importante estabelecer uma rotina para não perder tempo com tarefas que não estejam relacionadas ao seu trabalho.

Informe clientes, parceiros e familiares sobre seus horários de trabalho e peça para que respeitem esse tempo. Assim, você não sofre com interrupções ou solicitações em momentos impróprios.

Tenha uma agenda e crie um cronograma de tarefas. Organize-as por prioridade: as mais importantes e difíceis devem ser feitas primeiro. As menos complexas e que demandam menos tempo deixe para depois. O importante é achar uma rotina que se encaixe ao seu modo de trabalhar e gere bons resultados.

É conveniente ainda abrir um CNPJ – a dica é começar na categoria de microempreendedor individual (MEI). Se possível, crie canais de comunicação específicos para sua atuação profissional, como telefone celular e endereço de e-mail diferentes dos que usa para fins pessoais.

Mas atenção: evite entrar contato com clientes e fornecedores apenas por meios virtuais. Sempre que possível, agende reuniões presenciais ou faça visitas a eles para manter o convívio social.

Não esqueça também que a produtividade não está relacionada apenas aos momentos nos quais nos dedicamos ao trabalho. As pausas para refeições e descanso são igualmente importantes para arejar ideias, recarregar as energias e manter a saúde em dia.

Ou seja, quando seu horário de trabalho chegar ao fim, levante da cadeira e saia para aproveitar a vida lá fora.

Como ganhar dinheiro trabalhando em casa?

Bem, agora que você já organizou o seu escritório e estabeleceu uma jornada de trabalho, é chegada a hora de divulgar seus produtos ou serviços na internet.

Além de criar um site próprio para sua empresa e marcar presença nas redes sociais para promove-lo, existem algumas outras plataformas que podem auxiliar você nessa missão:

1 – Workana

O Workana é excelente site que oferece trabalhos para freelancers nas mais diversas áreas, como: desenvolvimento web, ilustração e multimídia, traduções e produção de conteúdo, desenvolvimento de softwares, aplicativos mobile, edição e criação de vídeo, design, website em WordPress, marketing digital, SEO, assistente virtual, consultoria de negócios e outros serviços remotos.

Você pode se cadastrar gratuitamente como um freelancer à procura de trabalho ou como alguém que está buscando um freelancer para seu projeto.

Há um sistema de pontuação dos profissionais, que são avaliados pelos contratantes.

No primeiro acesso, você deve responder um questionário sobre suas habilidades.

2 – 99 Freelas

Similar ao Workana, nesta plataforma você pode se cadastrar para oferecer seus serviços ou para contratar profissionais para realizar seu projeto.

Entre os jobs mais procurados no 99Freelas estão desenvolvimento de website, redação de conteúdo, programação, SEO, design de logotipos e edição de vídeos.

A comunicação e negociação das contratações é feita na própria plataforma e também há um ranking dos melhores profissionais.

3 – GetNinjas

O GetNinjas recebe mais de 200 mil pedidos todos os meses de clientes procurando profissionais para realização de serviços como assistência técnica, reformas, serviços domésticos, e design e tecnologia.

Há todos os tipos de profissionais autônomos por lá e, ainda que a concorrência seja grande, é sempre uma ótima estratégia divulgar os seus serviços nas mais diversas plataformas disponíveis.

4 – VinteConto

O VinteConto é um serviço que tem uma lógica parecida com a dos anteriores, porém possui um foco bem específico: pessoas ou empresas com orçamento curto para contratar determinado serviço.

O preço máximo, como o próprio nome indica, é de R$20 por serviço contratado. Entre opções, trabalhos como desenvolvimento de logos, serviços criativos, marketing digital, escrita e tradução.

5 – Hotmart

No universo da Hotmart, as possibilidades são infinitas.

A plataforma de distribuição de produtos digitais oferece o serviço de hospedagem desses produtos e ferramentas que auxiliam na sua venda, além de processar os pagamentos destas vendas e repartir o valor às partes envolvidas de forma automatizada.

Nela, você pode ser um produtor, que são pessoas físicas ou jurídicas que hospedam algum tipo de conteúdo digital por eles criado – seja ele um e-book, um curso online ou um manual técnico – dentro da plataforma para sua comercialização online.

Ou ainda um comprador, que adquire um produto que esteja sendo comercializado pela plataforma da Hotmart.

Pronto para começar a ganhar dinheiro trabalhando pela internet?

Bom, agora você tem ótimas dicas para começar seu home office e ganhar dinheiro sem sair de casa. Mas lembre-se: para manter um home office funcionando com eficiência e gerando lucros, é preciso um serviço de internet de qualidade.

Como o trabalho exige um bom tempo conectado, não dá para correr o risco de ficar na mão por uma internet lenta e instável, não é?

A Copel Telecom trabalha com tecnologia 100% em fibra óptica, uma das redes de transmissão de dados mais veloz do mundo e oferece diversos planos que podem ajudar você a manter um funcionamento e estabilidade de qualidade na hora de gerir seu negócio! Acesse nosso site e conheça.